Notícia Vip

Vereador Dr. Alex quer aplicação de recursos da arrecadação na Locação de Caminhões Pipa

Legislador Peixotense diz que a obrigação da Prefeitura de Peixoto de Azevedo é amenizar o problema enfrentado com a poeira em todos os bairros.

O vereador Peixotense, Dr. Alex Manhaguanha, cobrou por mais uma vez a Secretaria de Obras da Prefeitura Municipal que providencie a contratação de caminhões pipas para molhar as ruas de todos os bairros, pois a comunidade está sofrendo com a intensa poeira e que tem provocado sérios problemas respiratórios nas pessoas, principalmente as mais vulneráveis como bebês, idosos e gestantes.

“É inadmissível a falta de sensibilidade da atual gestão em um fato que já era previsível. O povo está adoecendo e superlotando as unidades básicas de saúde e o próprio Hospital Regional. Asfalto praticamente inexiste na cidade e a poeira está presente em todas regiões do município agravando inclusive problemas de saúde que o cidadão já está acometido. A contratação ou locação de mais caminhões é uma questão de necessidade pública e não um gasto desnecessário. Isso deve ser feito em caráter de urgência”, salientou o Vereador Dr. Alex.

Ele também lembrou que até mesmo nas proximidades de escolas, creches, postos de saúde e demais prédios públicos o ar está irrespirável diante da poeira excessiva que poderia ser amenizada através da contratação temporária de novos caminhões.

“O cidadão paga IPTU, Alvará, ISSQN e outros tributos para verem os problemas coletivos da cidade sendo amenizados ou resolvidos pelo Poder Público, mas em nosso município a filosofia é ir na contra-mão desses princípios. Como vereador cobro e exijo uma resposta positiva a este pleito em nome de toda população”, declarou o legislador.

A idéia é ampliar o número de caminhões pipas e estabelecer um cronograma de horário capaz de suprir a demando de todo perímetro urbano não coberto por pavimentação asfáltica.    

Página:

http://www.noticiavip.com.br/noticia//2018/07/12/vereador-dr-alex-quer-aplicao-de-recursos-da-arrecadao-na-locao-de-caminhes-pipa/2673.html