Notícia Vip

Estudantes conhecem Garimpo e Projeto de Reflorestamento

Publicado dia 12/06/2015 às 08h48min

Alunos da Escola Vinicius de Moraes participam de mais uma aula prática sobre a Mineração e a Proteção Ambiental.

Alunos da Escola Estadual Vinicius de Moraes estão na fase final de pesquisa e levantamento de dados através das aulas práticas em campo para a 2ª Mostra Histórico Cultural que será desenvolvida no dia 04 de Julho na Praça Central de Peixoto de Azevedo/MT.

Na oportunidade a Direção, Coordenação, Professores, Acadêmicos da UNEMAT e os estudantes farão uma exposição sobre a 'Atividade Garimpeira Sustentável e a Recuperação Ambiental'.

Além de fotos, equipamentos, ferramentas, utensílios, materiais e demais produtos e artigos utilizados ao longo dos anos desde o processo artesanal ou manual, até a utilização de recursos tecnológicos estarão sendo exibidos e enfocados.

Na tarde desta quinta-feira (11) um grupo de 20 pessoas entre alunos e professores visitaram o Garimpo 'Pé de Maraca', ocasião em que conheceram o processo de manejamento de solo e abertura de pistas para extração de ouro em uma área legalizada e que atende as determinações, regras e obrigações dos órgãos fiscalizadores e ambientais.

Os estudantes acompanharam os serviços desenvolvidos por trabalhadores e máquinas pesadas utilizadas especificamente na mineração e também o Projeto de Recuperação de Área Degrada feita com Assistência Técnica da Cooperativa de Garimpeiros do vale do Rio Peixoto.

Em uma área de passivo ambiental equivalente a três hectares foram plantadas centenas de árvores nativas e frutíferas que estão em franco desenvolvimento. Segundo o Gestor Ambiental, Natalino Moreira de Castro, dentre as espécies plantadas estão: Jatobá, Goiabinha, Peroba, Pau de Balsa, Pequi, Eucalipto e Caju.

"A exploração minerária é a principal geradora de empregos e renda na região, porém a sua consolidação está atrelada a concepção de que este segmento produtivo compreende um uso temporal ou transitório do solo, cabendo a obrigatoriedade por força da lei de se promover a recuperação dos passivos ambientais a um nível de estabilidade que permita um uso futuro do solo antes degradado", comentou Natalino Castro.

Durante a visita a propriedade, os estudantes da Escola Estadual Vinícius de Moraes puderam constatar a implantação do projeto de piscicultura como alternativa viável e sustentável de recuperação das cavas e crateados de garimpo. O garimpeiro Francisco da Conceição Lima, optou pela criação de peixes que além de promover a revitalização do que havia sido degradado pelo extrativismo mineral lhe garantirá uma nova alternativa de renda ou pelo menos de lazer e fonte de alimento para sua família.

"Todos os questionamentos, perguntas e indagações feitas pelos alunos foram respondidas a contento pelo Gestor Ambiental, Engenheira Florestal e o próprio Garimpeiro. Ficamos Felizes em constatar que podemos extrair os bens minerais de forma racional e com responsabilidade e consciência", enfatizou a Coordenadora da Escola Vinícius de Moraes, Fabiane Madalena.

A Engenheira Florestal, Laura Reis Fuão, agradeceu ao estabelecimento de ensino por inserir não apenas na teoria, mas principalmente na prática o ensinamento sobre Educação Ambiental.

"Estamos trabalhando a educação ambiental que é extremamente contribuitiva para a formação de cidadãos conscientes da preservação do meio ambiente e aptos a tomar decisões coletivas e necessárias para o desenvolvimento de uma sociedade sustentável", declarou Laura Reis Rosangela Reis Fuão.


Fonte Notícia Vip

Mais Fotos

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Notícia Vip, não reflete a opinião deste Portal.