Redes Sociais
Redes Sociais

Política

AL paga R$ 2,3 mi a deputados que não foram reeleitos em 2018

Ex-Deputado Estadual Pedro Satélite teria recebido R$ 194.985,00

AL paga R$ 2,3 mi a deputados que não foram reeleitos em 2018
Foto: AL-MT

Pela segunda vez seguida, a Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) está pagando para ex-deputados estaduais, que não foram eleitos em 2018, altas cifras. Investigação feita pela reportagem do jornal A Gazeta encontrou documentos oficiais que provam que o legislativo estadual gastou, entre novembro e dezembro de 2019, R$ 2,3 milhões com 11 parlamentares que não estão mais nos seus cargos e que também não ocupam nenhum cargo público.

O pagamento foi registrado pelo legislativo no Sistema Integrado de Planejamento, Contabilidade e Finanças do Estado de Mato Grosso, o Fiplan e no Portal da Transparência. No Portal da Transparência, a ALMT registrou o pagamento de valores que giram em torno de R$ 194 mil para cada deputado, inclusive para aqueles que foram reeleitos e possuem mandato. 

Já no Fiplan o valor registrado foi de R$ 64,9 mil, valor próximo da atual Verba Indenizatória recebida pelos deputados. Os registros mostram que praticamente todos os ex-deputados receberam dinheiro da Assembleia, mesmo quando já não possuíam mandato. 

Entre aqueles que não foram reeleitos e que não possuem cargo público no governo estadual ou na Assembleia foram beneficiados, entre novembro e dezembro, os ex-deputados Leonardo Oliveira Albu querque (R$ 194.955,00), Zeca Vianna (R$ 194.705,10), Mauro Luiz Savi (194.940,00), Adalto de Freitas Filho (194.970,00), Wancley Charles Rodrigues de Carvalho (194.940,69), Pedro Satélite (R$ 194.985,00), Wagner Ramos (R$ 193.815,00), José Joaquim de Souza Filho (R$ 194.985,00), Saturnino Masson (R$ 194.970,00), Gilmar Donizete Fabris (R$ 194.964,00) e Oscar Martins Bezerra (R$ 194.999,97). 

Tais pagamentos não foram registrados na folha de pagamento da ALMT, o que seria o mais recomendável nestes casos. Outro local onde estes pagamentos deveriam ter sido registrados é o Sistema de Execuções Financeiras da ALMT, uma importante ferramenta, que está fora do ar. 

Décimo terceiro

Uma irregularidade semelhante, também com pagamentos foram do mandato, foi constatada pela reportagem d’A Gazeta pela primeira vez em março do ano passado, na edição do dia 24 daquele mês. A justificativa, na ocasião, era de que a ALMT estava pagando o 13º salário de seus membros. Naquela ocasião, Assembleia Legislativa gastou R$ 1,22 milhão com pagamentos do que supostamente seria o décimo terceiro salário aos deputados estaduais. O valor total foi pago em dois momentos: no dia 31 de janeiro, liquidando um valor de R$ 464,2 mil e o mais recente, no dia 13 de março, com pagamentos que chegaram a R$ 761,5 mil.

O decreto que regulamentou o benefício diz que o décimo terceiro deve ser pago todo mês de dezembro no mesmo valor da remuneração e a todos os parlamentares que compareceram a pelo menos dois terços das sessões plenárias do primeiro semestre de cada ano. 

De acordo com os comprovantes de pagamento a que a reportagem do jornal A Gazeta teve acesso, a Mesa Diretora autorizou a liquidação do valor com base em um parecer da Procuradoria Geral da Assembleia expedido em um processo interno aberto para apurar a legalidade ou não do benefício. 

Na ocasião, a reportagem solicitou cópia do parecer, assinado pelo então procurador-geral Ghregory Maia, mas não nada foi respondido. Como a liquidação foi feita de forma unitária, sem a discriminação de cada pagamento individualizado, não foi possível saber quanto cada parlamentar recebeu em janeiro. 

Outro lado 

A reportagem do jornal A Gazeta procurou, pela segunda vez, a assessoria de imprensa da ALMT para cobrar explicações sobre os pagamentos. Por e-mail a solicitação citou a reportagem do dia 24 de março, com os pagamentos de janeiro e março, além de citar também os novos pagamentos, de novembro e dezembro. 

O pedido também registrou o fato de que os pagamentos deixaram de ser registrados no Sistema de Execução Financeira da ALMT e passaram a ser registrados no Fiplan, na unidade ‘Indenizações e restituições’. Com base nisso, três perguntas foram feitas: 1. Por que ex-deputados receberam R$ 194 mil em novembro e dezembro de 2019? Qual a base para estes pagamentos? 2. Por que estes pagamentos não foram registrados na Folha de Pagamento da ALMT e no Sistema de Execução Financeira, dois mecanismos de transparência previstos pela Lei de Acesso à Informação ( Lei nº 12.527/2011)? 3. Existem previsões para realizar pagamentos fora do mandato, como ocorreu nestes casos? Até o momento, porém, nenhuma resposta foi enviada.

Comentários
Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através doNotícia Vip , does not reflect the opinion of this site or its authors and is the responsibility of the readers that publish.

Matupá

SICOOB já está em plena atividade em Matupá

Seguindo regras, normas e drecretos de prevenção a COVID-19 agência foi inaugurada no dia 03 de julho em Matupá.

SICOOB já está em plena atividade em Matupá
Foto: Descerramento da Placa Inaugural

Na última sexta-feira (03) foi realizada em Matupá a solenidade de inauguração da Unidade do SICOOB – Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil.

Todos os presentes receberam Kits com Álcool Gel e Máscaras Faciais Personalizadas, além de cumprirem as medidas preventivas a Covid-19.

Um Totem de Higienização foi instalado no rol de entrada da agência, que limitou e restringiu o número de participantes conforme preceitua o Decreto Municipal vigente.   

O projeto arquitetônico da instituição é mais um fator agregante ao aspecto visual da Avenida Sebastião Alves Júnior, via de acesso ao Complexo Turístico dos Lagos.

São 350 metros quadrados que oferecem aos cooperados, conforto, segurança, qualidade, acessibilidade e eficiência no atendimento.  

Superintendentes, Diretores Executivos, Gerentes do SICOOB e o Prefeito Matupaense, Valtinho Miotto, fizeram uso da palavra e destacaram a importância da cooperativa de crédito que oferecerá os mesmos produtos e serviços que os bancos, porém a taxas menores e com educação financeira.

Durante o evento foi feita uma benção ecumênica, descerramento da placa inaugural e o corte da fita do portal de acesso a sexta unidade do SICOOB no Vale do Peixoto, e que por sua vez, já a partir desta segunda-feira (06) passa a oferecer uma gama de serviços financeiros, desde aberturas de contas, operações de depósitos, cartões de crédito, saques e contratações de linhas de crédito.

O SICOOB – Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil, chega a Matupá para contribuir com a potencialização econômica, fomentação dos negócios e crescimento social, onde os cooperados são ao mesmo tempo donos e usuários da cooperativa, participando de sua gestão e usufruindo de seus produtos e serviços.

“A nossa cooperativa de crédito está focada no processo de inclusão financeira. Trabalharemos com taxas mais acessíveis e com produtos e serviços financeiros que atendem as necessidades demandadas dos nossos associados, quer seja empresário, agricultor, pecuarista, comerciante, empreendedor, autônomo, enfim, todos terão oportunidade de progredir e avançar em seus negócios. Isso sem contar que já começamos com cerca de 100 contas ativas, e que já irão usufruir de toda infraestrutura, serviços e produtos SICOOB, e aliado a todas essas vantagens, temos ainda as distribuições das sobras”, enfatizou o presidente do Sicoob Norte MT, Norival Curado.

O Prefeito Valtinho Miotto que está a frente do Poder Executivo de Matupá há quatro mandatos, lembrou dos esforços e parcerias com a sociedade organizada para que ocorresse as instalações das Agências do Banco do Brasil, Sicredi e agora do SICOOB no município. Ele disse que essas instituições estão com um leque de opções de transações, investimentos e serviços bancários que são fatores positivos para empreendedores de todos os ramos de atividade e para a comunidade Matupaense.

Continue Lendo

Matupá

Missa em Ação de Graças Matupá 32 Anos

Tradicional missa foi transmitida 'Ao Vivo' e homenageou os profissionais da saúde que estão a frente da luta contra a Covid-19

Missa em Ação de Graças Matupá 32 Anos
Foto: Missa Matupá 32 Anos

Na manhã deste sábado, dia 04 de julho de 2020, foi celebrada a Missa em Ação de Graças alusiva aos 32 Anos de Emancipação Político Administrativa de Matupá-MT.

O evento organizado pela Secretaria de Educação com o apoio das demais pastas públicas seguiu todos as regras, determinações, normativas e protocolos preventivos a COVID-19.

A missa foi restrita, porém foram colocados no rol de entrada da Igreja Santa Maria Mãe de Deus, tapetes higienizadores e totens de alcool em gel, além da distribuição de máscaras faciais personalizadas e a organização dos acentos visando o distanciamento social.

O Prefeito Valtinho Miotto adentrou ao templo empunhando a Bandeira do Brasil, a Secretária de Saúde Clarisse Sala a Bandeira de Mato Grosso e a Secretária de Educação, Cleusa Mosquer Dutel a Bandeira de Matupá.

O grupo musicial católico entoou maravilhosamente o Hino Municipal e todos os demais louvores. Um servidor público com figurino de Jesus Cristo emocionou a todos os presentes ao caminhar até o altar carregando em seus braços o próprio filho, revelando a importancia da família e da comunidade.

Em sua mensagem, o Padre Antônio Damin, deu ênfase que neste momento de crise mundial na área de saúde, se faz necessário a perseverança e o revigoramento da fé, esperança, solidariedade cristã, humanidade, companheirismo e amor ao próximo.

Pois é preciso que caminhemos unidos nestes tempos difícies, que nada mais são que provações para nos fortalecer e tornar mais fortes, justos, fraternos, integros e dignos de receber as Bençãos de Deus. O Pároco Matupaense parabenizou todos os profissionais da área de saúde que estão na linha de frente no combate ao novo coronavírus.

No final da Missa foram chamados até a frente para serem homenageados, médicos, enfermeiros, técnicos, dentistas, fisioterapeutas, assistentes sociais, agentes comunitários de saúde, endemias e sanitários, vigias, motoristas, auxiliar de limpeza, psicologos, e outros profissionais que estão cumprindo a missão de combater a pandemia e salvar vidas no hospital e unidades básicas de saúde.

A população Matupaense acompanhou a Missa Solene Matupá 32 Anos através do Facebook, TV Ourominas e Rádio Cidade com transmissões 'Ao Vivo'.

A cobertura também foi feita pela nossa equipe de reportagem dos sites NotíciaVIP e Olhar Notícias.

O Prefeito Valtinho Miotto concedeu entrevista e agradeceu todos os secretários, servidores públicos, colaboradores e as pastorais da igreja Católica pela belíssima celebração, costumeiramente de igreja lotada de Matupaenses quando do aniversário da cidade.

"Sabemos que a pandemia causou todas essas restrições, mas precisamos fortalecer nossos laços de amizade, familia, comunidade e união fraterna, mesmo que seja através dos recursos tecnológicos da internet. Agradeço a Deus pela oportunidade de administrar esta cidade que amo profundamente, e pela qual minha dedicação é total e fiel. Espero cumprir todas as nossas metas, projetos, ações e programas de governo, porém, de qualquer forma tenho que registrar o apoio absoluto de toda população, o que realmente me motiva e fortalece para seguir em frente", disse emocionado o Prefeito Valtinho Miotto.

Além de parabenizar todos os servidores da saúde que estão fazendo frente ao enfrentamento a Covid-19, Miotto voltou a pedir as pessoas que usem máscaras faciais, respeitem o isolamento social e quarentena, tornem costumeira a higienização correta das mãos com água e sabão, façam uso do álcool em gel e que definitivamente não façam aglomerações.

Fonte: Edeir Júnior - Notícia VIP
Fotos e Filmagens: Marcelo Rdrigies 

Continue Lendo

Peixoto de Azevedo

Peixoto de Azevedo adquire o 2º Caminhão Compactador de Lixo 0 Km

O caminhão compactador hidraulico de lixo foi comprado com recursos da arrecadação do IPTU 2019

Peixoto de Azevedo adquire o 2º Caminhão Compactador de Lixo 0 Km
Foto: Caminhão de Lixo 0 Km

Numa evidente demonstração da destinação correta dos recursos públicos arrecadados através do Imposto Predial e Territorial Urbano – IPTU. A Prefeitura de Peixoto de Azevedo deverá fazer a entrega na próxima semana do 2º Caminhão Compactador Hidráulico de Lixo 0 Km com capacidade de 15 Mde resíduos domiciliares.  

O veículo já está exposto em frente ao Paço Municipal na Praça do Ouro e deverá ser incluso no Patrimônio, Emplacado e Personalizado para que seja inserido no itinerário dos serviços de coleta de lixo em todos os bairros Peixotenses, seguindo o cronograma e roteiro pré-estabelecido pelo departamento competente.  

“O 1º caminhão compactador de lixo entregamos em 2017 e o novo entregaremos já na próxima semana. São R$ 349.000,00 de recursos próprios, vindos da arrecadação do IPTU. Ao longo de nossa gestão temos como prioridade manter a transparência de mostrar onde o tributo pago pelo cidadão está sendo aplicado, a exemplo da Contribuição de Iluminação Pública, onde já dotamos as Avenidas Brasil e Itamar Dias de iluminação ornamental de LED, e ainda mantemos e ampliamos a rede de iluminação nas comunidades”, disse o Prefeito Maurício Ferreira de Souza.

O prefeito falou que quando assumiu o governo, havia apenas 01 caminhão em péssimas condições e a coleta era reforçada por meio de caminhões caçambas. Segundo ele, a administração enxugou a máquina, priorizou investimentos e através de planejamento e gestão financeira, conseguiu economizar verba para promover a renovação da frota do Departamento de Limpeza Urbana.

“Reconheço que precisamos avançar, é nossa meta alocar recursos para construção do Aterro Sanitário Municipal e Projetos de Coleta Seletiva, dentro dos padrões da legislação ambiental. Enquanto isso não ocorre, devemos otimizar a gestão do lixo, a começar por meio de uma boa, rápida e eficiente coleta”, destacou o Prefeito Maurício.

A Prefeitura de Peixoto de Azevedo enaltece o serviço desempenhado pelos garis e coletores, esses profissionais que executam tão árduo e imprescindível atividade à população, pois a coleta do lixo é resultado de um trabalho constante, e traz como resultado uma cidade mais limpa e organizada, onde todos podem habitar com segurança e prevenção.

Continue Lendo

Mais lidas da semana