Redes Sociais
Redes Sociais

Nova Santa Helena

Secretarias oferecem Curso de Informática Básica em Nova Santa Helena

17 pessoas da Comunidade Vila Atlântica foram capacitadas

Secretarias oferecem Curso de Informática Básica em Nova Santa Helena
Foto: Concluintes do Curso

A capacitação e qualificação profissional sempre foi uma prioridade no cronograma de atividades da Secretaria de Assistência Social de Nova Santa Helena. Recentemente aconteceu o encerramento do Curso de Informática Básica desenvolvido na Escola Antônio Pelissari da Comunidade Vila Atlântica e que contemplou 17 pessoas entre homens e mulheres.

Jovens e até mesmo idosos aprenderam na teoria e prática a utilizar o computador como ferramenta de pesquisa, trabalho, conhecimento e interatividade, equipamento este cada vez mais presente nos lares de uma sociedade moderna e conectada.

A Prefeita Terezinha Guedes Carrara participou da solenidade de entrega de certificados aos concluintes, onde o aproveitamento em termos de aprendizado foi de 100%.

Ela lembrou que o curso foi ministrado gratuitamente e visa preparar as pessoas para o mercado de trabalho, onde a tecnologia da informática é uma das principais exigências.

“Hoje o uso do computador com acesso a internet é indispensável no meio empresarial, escolar, domiciliar e o equipamento veio para inovar e facilitar a vida das pessoas. Tenho certeza de que novos horizontes de oportunidades se abrirão a esses cidadãos”, comentou a Prefeita Terezinha.

Os Secretários de Educação, Adriano Bortolin e de Assistência Social, Simara Jung, disseram que a parceria será renovada para 2020, pois a informática é uma área essencial nos dias de hoje. “É praticamente impossível pensar em processos de trabalho atualmente, sem as facilidades oferecidas por computadores e notebooks. As pessoas poderão digitar textos, elaborar planilhas, enviar e receber e-mails, navegar nas páginas e interagir pelas redes sociais. Além de ter o conhecimento básico da máquina que está manuseando”, enfatizou a Secretária Simara.

O conteúdo programática do curso de Informática Básica que teve a duração de 20 Horas/Aula no período de 60 dias foi: Conceitos e fundamentos básicos, procedimentos simples em microcomputadores e formas de manusear o equipamento.

Comentários
Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através doNotícia Vip , does not reflect the opinion of this site or its authors and is the responsibility of the readers that publish.

Matupá

Secretaria de Saúde faz nebulização contra o mosquito aedes aegypti em Matupá

Ações de prevenção e combate ao mosquito transmissor da dengue, zika vírus, chikungunya e febre amarela são intensificadas neste período de chuvas.

Secretaria de Saúde faz nebulização contra o mosquito aedes aegypti em Matupá
Foto: Serviço de Nebulização - Bloqueio

A Secretaria Municipal de Saúde de Matupá através da Vigilância Epidemiológica está fazendo o trabalho de eliminação de possíveis focos do mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue, zika vírus, chikungunya e febre amarela. 

Os Agentes de Combate a Endemias desenvolvem a orientação à população sobre o aproveitamento deste momento de quarentena em virtude do Coronavírus para promoção de limpeza em regra no interior e nos quintais das moradias, afim de localizar e eliminar qualquer recipiente que acumule água e que são por si só potenciais criadouros do mosquito, como: latinhas, garrafas, copos plásticos, baldes, caixas de água e os demais que possam conter larvas do aedes aegypti.

Esta ação preventiva abrangerá todos os bairros e caso haja a constatação da existência do criadouro, imediatamente o proprietário do imóvel será notificado para providenciar a limpeza do local no prazo estabelecido pela legislação. Em contrapartida, os Agentes de Endemias executam os serviços de bloqueio e controle vetorial para que não haja a proliferação do mosquito.

A melhor forma de se evitar a dengue, chikungunya, zika vírus e a febre amarela é combater os focos de acúmulo de água, locais propícios para a criação do mosquito transmissor das doenças.

Dicas:

- Não acumular água em latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de refrigerantes, pneus velhos, vasinhos de plantas, jarros de flores, garrafas, caixas d’água, tambores, latões, cisternas, sacos plásticos e lixeiras, entre outros.

Continue Lendo

Saúde

Idade média de pacientes diagnosticados com Covid-19 em MT é de 42 anos

25 casos foram confirmados no estado até esta terça-feira.

Idade média de pacientes diagnosticados com Covid-19 em MT é de 42 anos
Foto: Divulgação

Dados da Secretaria Estadual de Saúde (SES) divulgados nesta terça-feira (31) mostram que a idade média dos pacientes diagnosticados com Covid-19 em Mato Grosso é de 42 anos.

Conforme o secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, 25 casos foram confirmados no estado até esta terça-feira.

Desde total, segundo boletim divulgado pela SES, 50% são homens e 50% mulheres.

Oito pacientes que testaram positivo para o coronavírus estão internados, sendo que quatro deles em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e os outros quatro em enfermarias.

Os outros 17 pacientes são tratados em casa, com medidas de isolamento.

Os casos suspeitos são tratados pelo estado como Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), que inclui a Covid-19 bem como outros tipos de Influenza.

Dos 25 casos de Covid-19, 18 foram registrados em Cuiabá, dois em Várzea Grande, um em Nova Monte Verde e quatro em Rondonópolis.

A Secretaria Estadual de Saúde não repassa mais a informação sobre a quantidade de casos suspeitos, ficando a cargo dos municípios essa informação.

Continue Lendo

Mais lidas da semana